UM MÊS COM A RAINHA DO CÉU E DA TERRA

Texto por: Ir. Maria Aparecida | Diretora | CENIC
UM MÊS COM A RAINHA DO CÉU E DA TERRA (3)
Dom Bosco foi um grande devoto de Maria e sua confiança em Maria Santíssima Auxiliadora era tal que Ele chegou a dizer que Maria caminhava nos ambientes das casas salesianas. No período de Napoleão (1769 a 1821) o Papa Pio VII foi preso sendo libertado em 1814. Ele atribuiu a sua libertação a intervenção de Maria Santíssima Auxiliadora. Foi ele quem instituiu a festa de Nossa Senhora Auxiliadora e fixou o dia 24 de Maio como dia da festa.
A partir de 1862 Dom Bosco começou a propagação da devoção a Nossa Senhora Auxiliadora em suas casas. Dom Bosco dizia “até agora temos celebrado com solenidade e pompa a festa da Imaculada e foi nesse dia que começamos a primeira de Nossas obras dos oratórios festivos, mas Nossa Senhora quer que a honremos com o título de Maria Auxiliadora dos cristãos. Os tempos atuais são tão tristes que precisamos que a Virgem santíssima nos ajude a conservar e a defender a fé cristã.
O mês de maio festejado na Igreja Católica como mariano é uma excelente oportunidade de missão para a Igreja. Maria é a Mãe, que visita todas as comunidades e famílias. É um tempo oportuno para o anúncio de Jesus Cristo. Desde pequenos aprendemos a dizer: “Salve, Rainha, Mãe de Misericórdia”.  E como é importante para  nossa espiritualidade saber que em meio a tantos sofrimentos e crises de todos os tipos, podemos contar com o olhar materno e a proximidade de uma Mãe que nos enche de esperança e renova nossa fé naquele que é o Senhor de todas as coisas e conduz a nossa vida.
Como proposta mariana cada turma levou uma “indústria mariana” e cada dia do mês foram convidados a rezarem uma expressão da Salve Rainha, um texto bíblico, uma breve reflexão e uma oração.
A comunidade educativa do CENIC foi chamada a ter um coração cheio das misérias dos outros e passar um mês com a Rainha do céu e da terra, pedindo que volte para nós os seus olhos misericordiosos levando as nossas preces ao seu Filho Jesus. O Papa Francisco nos lembra: “a Igreja, quando busca Cristo, bate sempre à casa da Mãe e pede: ‘Mostrai-nos Jesus’. É de Maria que se aprende o verdadeiro discipulado” (Papa Francisco, homilia, 24/7/2013, Aparecida-SP).
Neste clima de festa e devoção, cada dia uma turma se preparou para as coroações de Maria iniciando com o Infantil e encerrando com o 5º ano do ensino fundamental.  No dia 24, todos se reuniram para a celebração Eucarística celebrada às 16h no colégio CENIC.
As homenagens foram concluídas com a presença significativa na Celebração Eucarística no Santuário Nossa Senhora Auxiliadora tendo presente uma significativa participação de pais, alunos, professores e funcionários.

Dom Bosco foi um grande devoto de Maria e sua confiança em Maria Santíssima Auxiliadora era tal que Ele chegou a dizer que Maria caminhava nos ambientes das casas salesianas. No período de Napoleão (1769 a 1821) o Papa Pio VII foi preso sendo libertado em 1814. Ele atribuiu a sua libertação a intervenção de Maria Santíssima Auxiliadora. Foi ele quem instituiu a festa de Nossa Senhora Auxiliadora e fixou o dia 24 de Maio como dia da festa. A partir de 1862 Dom Bosco começou a propagação da devoção a Nossa Senhora Auxiliadora em suas casas. Dom Bosco dizia “até agora temos celebrado com solenidade e pompa a festa da Imaculada e foi nesse dia que começamos a primeira de Nossas obras dos oratórios festivos, mas Nossa Senhora quer que a honremos com o título de Maria Auxiliadora dos cristãos. Os tempos atuais são tão tristes que precisamos que a Virgem santíssima nos ajude a conservar e a defender a fé cristã. O mês de maio festejado na Igreja Católica como mariano é uma excelente oportunidade de missão para a Igreja. Maria é a Mãe, que visita todas as comunidades e famílias. É um tempo oportuno para o anúncio de Jesus Cristo. Desde pequenos aprendemos a dizer: “Salve, Rainha, Mãe de Misericórdia”.  E como é importante para  nossa espiritualidade saber que em meio a tantos sofrimentos e crises de todos os tipos, podemos contar com o olhar materno e a proximidade de uma Mãe que nos enche de esperança e renova nossa fé naquele que é o Senhor de todas as coisas e conduz a nossa vida. Como proposta mariana cada turma levou uma “indústria mariana” e cada dia do mês foram convidados a rezarem uma expressão da Salve Rainha, um texto bíblico, uma breve reflexão e uma oração.  A comunidade educativa do CENIC foi chamada a ter um coração cheio das misérias dos outros e passar um mês com a Rainha do céu e da terra, pedindo que volte para nós os seus olhos misericordiosos levando as nossas preces ao seu Filho Jesus. O Papa Francisco nos lembra: “a Igreja, quando busca Cristo, bate sempre à casa da Mãe e pede: ‘Mostrai-nos Jesus’. É de Maria que se aprende o verdadeiro discipulado” (Papa Francisco, homilia, 24/7/2013, Aparecida-SP). Neste clima de festa e devoção, cada dia uma turma se preparou para as coroações de Maria iniciando com o Infantil e encerrando com o 5º ano do ensino fundamental.  No dia 24, todos se reuniram para a celebração Eucarística celebrada às 16h no colégio CENIC. As homenagens foram concluídas com a presença significativa na Celebração Eucarística no Santuário Nossa Senhora Auxiliadora tendo presente uma significativa participação de pais, alunos, professores e funcionários.