CEMIC – Lins/SP

CENTRO DE ESTUDOS DO MENOR E INTEGRAÇÃO NA COMUNIDADE

FaCEMIC

  • Projeto ‘‘Menor Aprendiz’’
  • Projeto Agentes de Carro Zona Azul
  • Atendimento as necessidades básicas para crianças, adolescentes e família em situação de vulnerabilidade social
Contato: CENTRO DE ESTUDOS DO MENOR E INTEGRAÇÃO NA COMUNIDADE
Fone – (14) 3522 6549
E-mail: cemic_lins1@hotmail.com
Rua Major Matos Guedes, 145
Bairro do Ribeiro • 16401-900 • Lins •  SP
 

CEMIC 01O crescimento demográfico das zonas urbanas do Brasil produziu problemas sociais que começaram a provocar respostas de pessoas, grupos e instituições que se sentiram co-responsáveis pelo bem-estar comum e, em especial pela luta em prol da prevenção da marginalização da infância e da juventude. Foi o que aconteceu com o corpo docente e discente da Faculdade “Auxilium” de Filosofia Ciências e Letras de Lins – FAL, no final dos anos 60.

Em 1966, a FAL transfere suas atividades do prédio da Escola Normal Nossa Senhora Auxiliadora, onde nasceu para a nova sede situada na Av. Nicolau Zarvos, Bairro do Ribeiro. Nesse ano, ocorre a criação do Centro Universitário de Estudos Pedagógicos Dr. Mario Altenfelder Silva – CUEPMAS, então diretor nacional do Serviço de Assistência ao Menor que fazendo uma palestra aos universitários da FAL os desafia a realizar um trabalho de prevenção à marginalização do menor, voltado para a Vila do Ribeiro.

Em 1968, o CUEPMAS realizou uma pesquisa socioeconômica na Vila do Ribeiro, cujo resultado evidenciou principalmente:CEMIC 02

  • famílias empobrecidas e desestruturadas social e economicamente;
  • desemprego e sub-emprego;
  • crianças e jovens a caminho da marginalização, ociosos e sofrendo o impacto de mil condicionamentos negativos da realidade circundante.

O levantamento de dados proporcionou também o conhecimento de recursos humanos existentes na Vila do Ribeiro, possibilitando assim, o começo de um trabalho envolvendo as lideranças, universitários e os professores do CUEPMAS inserindo assim, a FAL na comunidade local.

Centro de Estudos do Menor – CEM, idealizado pelo CUEPMAS tornou-se realidade com o apoio da FAL e Fundação Nacional do Bem-estar do Menor – FUNABEM, que em 12 de março de 1969, em sessão solene, assinou o 1º Convênio de auxilio entre CUEPMAS – FUNABEM – UNICEF.

CEMIC 03O projeto foi elaborado com finalidade sociocultural e educativo, visando à integração da família e da comunidade no processo social de desenvolvimento através dos jovens.

Desde as origens o Centro de Estudos do Menor – CEM, atendeu as linhas do plano de prevenção da FUNABEM, e adaptou as características do oratório de Dom Bosco á realidade local dando-lhe uma nova roupagem.

Em 1973, o convênio até então assinado pelo CUEPMAS, passa a ser assinado pela FAL – FUNABEM – UNICEF. O Centro de Estudos do Menor – CEM amplia seu raio de ação e passa denominar-se CEMIC, ou seja,Centro de Estudos do Menor e Integração na Comunidade.

CEMIC torna-se centro irradiador pioneiro deste trabalho preventivo com o menor e começa a:CEMIC 04

  • receber para treinamento e capacitação, estagiários, universitários, voluntários e líderes da comunidade de diferentes estados do país;
  • enviar grupos de universitários doCUEPMAS devidamente capacitados para implantar centros e projetos semelhantes em outros estados a pedido da FUNABEM – UNICEF.

Passados 40 anos de sua fundação, oCEMIC é hoje uma entidade estatutária, sem fins lucrativos, de caráter educacional, cultural e de assistência social, desenvolvendo suas atividades á luz do carisma salesiano onde:


“Educar com o coração de Dom Bosco significa, para o educador, cultivar antes e fazer brotar depois do interior do próprio coração “Razão, Religião e Bondade”.

CEMIC 05