Hospital Auxiliadora realiza 5º Curso de Gestantes

Texto por: Assessoria de Comunicação do Hospital Auxiliadora

6

O Hospital Auxiliadora realizou no último fim de semana o 5º Curso para gestantes, que contou com a presença da equipe multidisciplinar para informar as mães sobre a gestação, e dicas durante o período de gravidez. Cerca de 20 pessoas participaram do curso. A equipe foi formada por:  enfermeiras obstetras, nutricionista, pediatra, psicóloga, fisioterapeuta, assistente social, e professora de Yoga/Doula.

O curso contou com várias atividades e exercícios de relaxamento, além de alertar sobre a alimentação, os tipos de parto e o desenvolvimento da gravidez até nos cuidados pós-nascimento.

A enfermeira obstetra e coordenadora da maternidade do hospital, Juliana Salim, alerta o quanto é importante aprender sobre a gestação. “O curso tem uma visão diferenciada para que a mãe saia daqui esclarecida como ela deve conduzir, e quais as perguntas, que as vezes, ela tem dificuldade de perguntar para um obstetra, então ela consegue, com interatividade, realizar essa pergunta”. E completou: “Nós conseguimos fazer com que ela tenha um parto saudável, Passamos todas as informação para que elas saiam cientes do que tem passado. O curso é uma ajuda para mamães que estão desinformadas ou com dúvidas”, explica.

O Auxiliadora é o único hospital da região que tem o Diploma Amigo da Criança. “Mostramos também que Hospital tem o potencial de acolher toda a região e dar a melhor assistência médica”, concluiu a enfermeira obstetra.

Monique Barcelos Sarcinelli, gestante de seis meses, ficou muito satisfeita com o curso. “É de suma importância, principalmente para mim, que sou mãe de primeira viagem. O curso ensina todas as etapas, desde o pré-natal e todas as consultas. É muito informativo com relação ao parto e amamentação. Tirou a dúvida de todas nós mamães curiosas, na expectativa da chegada dos nossos bebes”, declara a mamãe de Isis, que está por vir.

Os pais também participaram junto com suas parceiras. “Estou achando legal e interessante estar conhecendo mais sobre a gravidez. O pai vira pai mesmo, só depois que nasce a criança. É bom a gente estar se inteirando no assunto e sabendo como lidar com o filho que está vindo”, afirmou Wellington Ferreira da Silva, que está à espera de Antônio.

O curso é gratuito e ocorre, geralmente, a cada dois meses, no Hospital Auxiliadora.